RESENHA | E NÃO SOBROU NENHUM – AGATHA CHRISTIE

  • ISBN: 9788525057013
  • Autor: Agatha Christie
  • Ano de Lançamento: 2014
  • Número de Páginas: 400
  • Gênero: Crime / Ficção / Romance policial / Suspense e Mistério
  • Editora: Globo Livros
  • Classificação:

    ★★★★★ + ❤

  • Compre Aqui: Amazon
  • Sinopse: Uma ilha misteriosa, um poema infantil, dez soldadinhos de porcelana e muito suspense são os ingredientes com que Agatha Christie constrói seu romance mais importante. Na ilha do Soldado, antiga propriedade de um milionário norte-americano, dez pessoas sem nenhuma ligação aparente são confrontadas por uma voz misteriosa com fatos marcantes de seus passados.

    Convidados pelo misterioso mr. Owen, nenhum dos presentes tem muita certeza de por que estão ali, a despeito de conjecturas pouco convincentes que os leva a crer que passariam um agradável período de descanso em mordomia. Entretanto, já na primeira noite, o mistério e o suspense se abatem sobre eles e, num instante, todos são suspeitos, todos são vítimas e todos são culpados.

    É neste clima de tensão e desconforto que as mortes inexplicáveis começam e, sem comunicação com o continente devido a uma forte tempestade, a estadia transforma-se em um pesadelo. Todos se perguntam: quem é o misterioso anfitrião, mr. Owen? Existe mais alguém na ilha? O assassino pode ser um dos convidados? Que mente ardilosa teria preparado um crime tão complexo? E, sobretudo, por quê?

    São essas e outras perguntas que o leitor será desafiado a resolver neste fabuloso romance de Agatha Christie, que envolve os espíritos mais perspicazes num complexo emaranhado de situações, lembranças e acusações na busca deste sagaz assassino. Medo, confinamento e angústia: que o leitor descubra por si mesmo porque E não sobrou nenhum foi eleito o melhor romance policial de todos os tempos.

Começo dizendo que esta resenha será um grande desafio pois E Não Sobrou Nenhum é meu livro preferido da Ágatha, e sempre tenho dificuldade em resenhar meus livros preferidos.

 

A história toda começa com 10 pessoas sendo convidadas a passar uns dias em uma mansão numa ilha bem misteriosa e deserta, a Ilha do Soldado. Só é possível chegar a ela de barco e apenas uma vez ao dia um funcionário vai e volta da ilha para trazer notícias e mantimentos. Tudo não vai bem, uma tempestade se aproxima e a ilha ficará isolada de tudo! Cenário bem propício para coisas ruins não é?

 

A medida que a noite cai as pessoas já se conheceram e se questionam o porquê de estarem ali, até que uma gravação começa a tocar e a acusar cada um de algo do passado. E então um á um começa a ser morto na medida que as horas passam. O que será que está acontecendo? Quem está matando todo mundo lentamente? E Porque? Em quem eles podem confiar?

Lembrando que a ilha é deserta e temos apenas 10 pessoas nela, sendo assim, todos são suspeitos. Detalhe que cada um vai morrendo de acordo com um poema antigo e a cada morte um soldadinho de porcelana que fazia parte da decoração da sala vai desaparecendo também. Será que não restará nenhum?

Minha opinião sobre esse livro é óbvia, Agatha foi GENIAL! E mesmo se tratando de uma releitura eu confesso que fui feita de trouxa novamente e desconfiei de outra pessoa kk Diferente dos outros livro dela, esse tem uma pegada mais misteriosa e não segue o padrão, pois aqui não temos um detetive para solucionar tudo, Hercule Poirot ou Miss Marple são deixados de lado e ela faz de você o detetive!

O Livro é totalmente um mistério, os capítulos são curtos, o que te faz devorar cada página, dá pra ler em um dia sem problemas de tão imerso na trama que ele te deixa.

Envolvente, misterioso, fluido e intenso é como defino E Não Sobrou Nenhum.

Uma dica para quem já leu: Já assistiram a série que a BBC criou sobre o livro? Eu já e é incrível!!!

Poema do Soldadinho que contém no livro
Continuação do peoma do Soldadinho que contém no livro
Sarah Pleinsworth é uma jovem bem orgulhosa, egoísta e ousada. Nutre um rancor profundo do
Uma Noite Como Esta é o segundo livro do quarteto Smythe-Smith. Daniel Smythe-Smith, irmão de
Vinte Mil Léguas Submarinas foi publicado em 1870 e escrito por Júlio Verne, um dos
Cem Anos de Solidão foi, é e continuará sendo um grande e incrível livro! Ganhador
Lady Calpurnia, mas melhor chama-lá de Callie, é uma dama da mais alta sociedade que

Deixe uma resposta