Resenha do livro A Fúria e a Aurora

RESENHA | A Fúria e a Aurora de Renée Ahdieh

❝ ─ Você está certa. Você não é minha. Eu é que sou seu.❞

Uma estranha tradição assombra o reino de Khorasan. Todos os dias uma jovem tem de se casar com o Rei e ser morta a cada aurora. O monstro responsável por isso é Khalid, califa de Khorasan. Tudo muda quando a melhor amiga de Sherazade é vítima desse rei cruel, sendo o estopim para Sherazade, que decide se voluntariar para ser a nova noiva do califa e poder se vingar dele.

Para sobreviver a aurora, Sherazade precisa conquistar a confiança de Khalid, e a forma que ela encontra de fazer isso é contando histórias, mas sempre deixando o final para o dia seguinte, garantindo mais um dia para se vingar.  A cada aurora os dois vão se conhecendo e Sherazade se vê curiosa e começa a se perguntar o porquê do califa matar todas as suas esposas.

Ao mesmo tempo nessa trama, temos o amor de infância de Sherazade, Tariq lutando para resgatar sua amada das mãos do terrível monstro, e vingar a morte da prima e tantas outras garotas. A história é cheia de mistérios, te prendendo a cada página e temos também a magia introduzida nessa história, o que eu amei!

A fúria e a aurora é um livro baseado nas Mil e Uma Noites, com o cenário envolto em desertos, palácios, costumes, roupas repletas de ouro e pedras preciosas. Me senti na novela O Clone hahaha. A narrativa é cativante e arrebatadora, não sosseguei enquanto não terminei essa leitura!

Minha opinião em relação ao romance é que ele não deveria existir, ia contra os princípios da personagem, que era extremamente forte, independente, inteligente, vingativa (claro né), dona de si, destemida, segura e sem todo aquele mimimi que estamos acostumados a ler nos livros de hoje, porém paramos por ai e chegamos a um impasse, ela se apaixona pela última pessoa por quem deveria se apaixonar, mas o pior não é isso, o pior é ela deixar de ser o que era (forte, segura e dona de si) e esquecer de tudo o que aconteceu para se entregar a um amor proibido.

Não gente!!! O livro estava tão perfeito, até que acontece isso. Mas o pior dos pesares é que a autora me fez gostar desse romance!!!!! Eu consigo ser pior que a Sherazade, com toda a certeza kkkkk. Mas talvez esse seja o lance, afinal, se não houvesse esse romance como haveria a história?

Fiquei em uma relação de amor e ódio eterno kkk mas por fim acabei dando 5 estrelas e favoritado.

Nesse primeiro livro o foco é bem no instalove mesmo, mas acredito que na continuação ela explore mais a magia e os segredos que envolvem a trama toda, porque eu fiquei mega intrigada. E no caso, estou necessitando suuuuuper da continuação!!!

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp

Este post tem 2 comentários

  1. Ahhh eu quero ler esse livro! Já li As Mil e Uma Noites a muitos anos e curti bastante.
    Imagino sua frustração por favoritar o livro! hahahaha
    Bjo

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

  2. Van Carlos

    Só de ler a sinopse e a resenha já acho que vou gostar da história. Pelo o que parece a graça do livro está no romance mesmo, mas eu gosto dos clichês. hahaha
    Bjo

    http://www.vancarlos.com

Deixe uma resposta

18 + dezessete =